Agência Smart Performance
Image default
E-commerce

Aparência e usabilidade fazem seu e-commerce vender mais

Veja como a aparência e usabilidade fazem seu e-commerce vender mais. Pois a experiência do usuário e o design do seu e-commerce podem afetar suas vendas a partir da aparência e usabilidade neste post produzido pela equipe da Agência SmartPerformance!

A Vitrine

Imagine que você está andando pelos corredores de um shopping e olhando para as vitrines das lojas enquanto passa por elas. Qual é a primeira coisa que você observa?

“..Preço e Produtos..”

O preço? Os produtos? Você pode até achar que sim, mas, na verdade, seu cérebro registra primeiro o visual: cores, layout, design e o aspecto geral da vitrine e da loja. Somos seres extremamente visuais!

Se você tem uma boa impressão, pode até parar para ver os itens expostos e checar o preço. Uma má impressão, e você provavelmente vai passar direto.

A mesma coisa acontece com sua loja virtual. A aparência e a usabilidade que você oferece aos visitantes são fundamentais para que eles permaneçam. E principalmente, naveguem pelas suas páginas de produtos, queiram saber mais sobre o negócio e considerem comprar na sua loja.

Saiba Porquê?

Sabe por quê? A seguir, vamos contar como esses elementos podem ajudar no sucesso do seu e-commerce!

Acima de tudo, o design da sua loja virtual cria credibilidade.

Você sabia que a maioria dos consumidores considera a aparência visual essencial ao fazer uma compra? De acordo com estatísticas sobre psicologia do consumidor, publicadas pela Business2Community, 93% dos consumidores consideram a aparência fundamental na decisão de compra.

Um estudo da FEA/USP mostra que o design, de forma geral, é um dos principais fatores que afetam a intenção de compras online. Sendo assim, visto que o ambiente virtual deve transmitir segurança, confiabilidade e facilidade de acesso.

A Aparência

Aparência visual envolve as cores e fontes do seu site, botões, imagens do seu produto, sua propaganda, sua marca e o layout do seu site.

Igualmente certo que o design abrange, além dos elementos visuais, a navegação e a forma de apresentar as informações.

Vale lembrar que nós, humanos, processamos imagens 60.000 vezes mais rápido do que texto. É por isso que respondemos tão bem a imagens e vídeos.

Isso mesmo, então a primeira impressão do seu visitante será visual!

Do seu logotipo ao seu rodapé.

Decerto, isso mesmo, do seu logotipo ao seu rodapé. É importante ter um tema consistente, atraente e que sinalize confiança. Você pode conferir mais dicas sobre temas para lojas virtuais no nosso post.

A experiência do usuário tem tudo a ver com a usabilidade

Outrossim, a experiência do usuário, ou UX pela abreviação em inglês, tem tudo a ver com a usabilidade da sua loja virtual.

Em síntese, basicamente, você deseja tornar a navegação do seu site o mais amigável possível.

Por outro lado, a última coisa que você quer é que um cliente acesse seu site e não saiba como fazer uma compra ou encontrar o que procura.

Ser compatível com dispositivos móveis é outra parte essencial da experiência do usuário. Você precisa ter certeza de que seu site funciona perfeitamente em dispositivos móveis, porque é onde grande parte dos seus clientes está.

Os problemas mais comuns na experiência do usuário incluem:

  • preços difíceis de achar ou confusos;
  • métodos de pagamento insuficientes;
  • erros ou demora de carregamento do site;
  • vários cliques para chegar ao que deseja;
  • formulários desnecessários;
  • navegação pouco intuitiva pela loja.

Muitos carrinhos abandonados acontecem por conta dos motivos acima ou outros.

A UX é uma forma de atrair e reter usuários, e você pode testar o que melhor funciona para a sua loja!

Outra solução para otimizar a experiência é o uso de layouts profissionais. O que aumenta em média 30% do tempo de permanência em sua loja, isso reflete diretamente na taxa de conversão.

Carregamento das páginas é fundamental

Semelhantemente já mencionamos acima que a velocidade com que suas páginas são carregadas é importante. Mas achamos que esse assunto vale a pena ter um tópico próprio na nossa lista.

Portanto a velocidade de carregamento da página também se tornou um fator de classificação no algoritmo do Google. E pode até afetar seu rankeamento. Ou seja, a posição em que o seu site aparece nos resultados de uma pesquisa no mecanismo de busca do Google.

Por isso o tempo de carregamento de páginas rápidas são ideais, é claro, mas ter conteúdo interativo e de alta qualidade em sua página também é importante.

Encontre o equilíbrio

Então, como você consegue encontrar um equilíbrio entre ter um conteúdo rico em sua página. E ainda ao mesmo tempo ter um tempo de carregamento ágil?

Pode parecer paradoxal, mas é possível.

Veja como:

  1. identifique as principais páginas de destino (landing pages) e otimize-as para um carregamento mais rápido;
  2. considere uma hospedagem diferente, com um IP dedicado que garanta uma resposta mais rápida durante picos de alto tráfego;
  3. remova todos os scripts (códigos) de terceiros desnecessários que podem estar deixando o site mais lento;

E principalmente, selecione bem as imagens, lembrando imagens com melhor qualidade. Geralmente são maiores e mais lentas de serem carregadas.

Contudo você pode compactá-las por meio de ferramentas de otimização de imagem. Sendo assim buscando um equilíbrio entre qualidade e tamanho. Conferindo se a resolução está suficientemente boa para ser vista claramente em computadores e em celulares.

Posts Relacionados

Black Friday – estratégias para e-commerce fundamentais!

Jaime S.J

5 motivos para você ter um chat online no seu e-commerce

Jaime S.J

Conheça quais os tipos de estoque para e-commerce

Jaime S.J

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Assumiremos que você está ok com isso, mas você pode cancelar, se desejar. Aceito Saiba mais..